Medalha de Mérito de Protecção e Socorro

O Ministério da Administração Interna, a partir de Junho de 2006, criou a medalha de Mérito de Protecção e Socorro.

A medalha de Mérito de Protecção e Socorro visa atribuir reconhecimento público a pessoas e instituições que de forma abnegada e decisiva contribuem para o êxito de operações de protecção e socorro, ajudando a minimizar os custos materiais e o sofrimento dos que são afectados por acidentes graves e catástrofes.

A medalha compreende os seguintes graus:
a) Medalha de ouro;
b) Medalha de prata;
c) Medalha de cobre.

Cada grau da medalha compreende três distintivos, nas cores, azul, laranja e branco, distinguindo-se actos de heroísmo ou de notável solidariedade, actos de prestimosa colaboração com as autoridades na direcção e coordenação dos recursos afectos a acções de protecção e socorro e actos de abnegada cooperação com as autoridades em acções de finalidade económico-social, técnico-pedagógica, de investigação ou outros considerados de interesse para a Protecção Civil.

A 11 de Março de 2012 por ocasião do 100º aniversário da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários do Dafundo entendeu o Governo de Portugal atribuir esta medalha na modalidade GRAU OURO DISTINTIVO AZUL, o que muito nos honra.